Procurador municipal é filmado bêbado após provocar acidente

Nas imagens feitas por moradores, o procurador não consegue parar em pé

Ele se afastou do cargo para tratamento

O advogado Flávio Eduardo Guidio, que é o procurador concursado do município de Ipaussu, foi filmado no domingo, 5, com nítidos sinais de embriaguez após bater com seu carro, um Audi importado, em dois veículos numa das ruas do centro da cidade. O advogado mal podia parar em pé e permaneceu na sarjeta após provocar a batida. Ele teve a CNH apreendida e, como concordou em se submeter ao exame de sangue para comprovar o teor etílico, foi liberado. O advogado pode ser punido com a cassação da CNH pelo período de até dois anos.

O fato causou grande repercussão nas redes sociais, pois muitos moradores reproduziram as imagens do advogado embriagado. Em nota divulgada pelo chefe do Departamento de Comunicação, a prefeitura de Ipaussu informou que o funcionário não estava em horário de trabalho no momento do ocorrido. A nota diz, ainda, que o procurador já solicitou seu pedido de afastamento “para tratamento de saúde”. Segundo informações, Flávio reconhece que tem problemas de dependência com o álcool.

O acidente aconteceu na tarde de domingo, 5. Minutos antes, ele foi flagrado por outro morador, que também fez imagens, tendo dificuldades para entrar no carro. Mesmo assim, ele saiu com o veículo de uma residência. Pouco depois, o procurador perdeu o controle da direção e bateu em dois carros estacionados.

Ao deixar o carro, ele mal conseguiu parar em pé. Mesmo sentado na sarjeta, se desequilibrou várias vezes e tentou resmungar quando percebeu que estava sendo filmado. Flávio foi levado por policiais militares para a Delegacia de Ipaussu. Segundo a Polícia Civil, ele apresentava sinais claros de embriaguez, como “odor etílico, voz pastosa e falta de coordenação motora”.

Sobre Sergio Fleury 5976 Artigos
Proprietário e Editor do Jornal Debate