Deputado Bragato tenta fortalecer PSDB

VERBAS — Maura entregou ao deputado várias reivindicações de verbas

Deputado se reuniu com vereadores e anuncia que vai
convidar alguns para disputar pelo partido do governador

Sérgio Fleury Moraes
Da Reportagem Local

Historicamente ligado aos ex-prefeitos Adilson Mira e Maura Macieirinha, o deputado estadual Mauro Bragato (PSDB) encontrou um outro quadro político na visita a Santa Cruz do Rio Pardo, na manhã de sexta-feira, 12. Nada de Mira, embora Maura, hoje vereadora, fosse uma das anfitriãs do deputado. Nada também da “velha guarda” tucana, que levou o partido a sucessivas derrotas nas últimas eleições municipais. Bragato, na verdade, veio para tentar fortalecer o PSDB do governador João Doria na cidade e, de quebra, articular o partido para as próximas eleições municipais. Encontrou um cenário político diferente.
De imediato, o deputado fez convites aos vereadores Luciano Severo (PRB), Paulo Pinhata (MDB), Joel de Araújo (PRB) e Murilo Sala (SD) para ingressarem no PSDB. O mesmo aconteceu em relação ao coordenador do PSL em Santa Cruz do Rio Pardo, Lucas Pereira. Todos acompanharam Bragato na visita a Santa Cruz, que terminou num almoço.
O “novo” PSDB pode surgir sem a imagem de Adilson Mira e do ex-vereador Luiz Carlos “Psiu” Novaes Marques, que aderiu a Otacílio Parras (PSB) após oferecer terrenos para o prefeito comprar. Mauro Bragato reconhece que o partido “enfraqueceu” em Santa Cruz, mas quer revigorá-lo com novas lideranças. Depois de 12 anos no governo municipal, o PSDB foi perdendo força até que, em 2016, elegeu apenas uma vereadora. “O PSDB encolheu”, resumiu Bragato.
“Minha relação com a cidade é antiga. Nosso objetivo é fazer o partido crescer. Hoje, temos a Maura como nossa sentinela na Câmara, mas queremos fortalecer o PSDB para enfrentar as eleições do próximo ano. E não vamos enfrentar sozinhos, mas com partidos coligados que tenham a ver conosco, principalmente no plano estadual”, disse.

UNIÃO? — Vereadores e líderes partidários discutiram uma coalizão política com o deputado Mauro Bragato

‘Novo’ PSDB

O deputado está confiante de que os políticos convidados para formarem o “novo PSDB” em Santa Cruz, inclusive vereadores, vão aceitar o desafio. “O Severo, por exemplo, seguramente filiado será uma figura de proa no partido, assim como Pinhata e outros. O convite não foi apenas em meu nome, mas da executiva estadual do partido e do governador João Doria”, disse.
“Estamos fazendo um trabalho para juntar todas as forças, criando uma frente bastante ampla com outros partidos. Assim, nós poderemos fazer um bom enfrentamento eleitoral no próximo ano”, afirmou Mauro Bragato.
O deputado, inclusive, aposta numa chapa com a participação do PSDB. “Seguramente isto vai acontecer”, disse, contando com novas filiações. “Obviamente quem vai dizer se aceita entrar no partido são eles. No entanto, nós já estamos contando com estas novas filiações”, explicou. Bragato avalia que o grupo poderá dar a Santa Cruz do Rio Pardo “um novo perfil de políticos”.
Segundo o deputado, será um PSDB “diferente”, com novos quadros e no centro da política nacional. Bragato acredita que os candidatos a prefeito e vice para 2019 estão entre Luciano Severo, Murilo Sala e Maura Macieirinha.
O deputado voltou ao cenário político no ano passado, quando foi eleito depois de travar uma batalha nos tribunais. Ele perdeu o mandato em 2016, após uma condenação por improbidade administrativa, na época em que era prefeito de Presidente Prudente (1997-2000), ter transitado em julgado. Bragato diz que não houve tempo para o julgamento de recursos, já que o mandato terminaria em 2018. No entanto, foi novamente candidato e eleito naquele ano.
Na tarde de sexta-feira, os vereadores citados por Bragato como convidados para se filiarem ao PSDB disseram que estão avaliando a possibilidade. Luciano Severo, por exemplo, explicou que, neste momento, um político com mandato eletivo não pode trocar de legenda. “A legislação estabelece a ‘janela’ para o ingresso em outros partidos em março do próximo ano. Até lá, vamos discutir este assunto”, disse Severo.

  • Publicado na edição impressa de 14/07/2019
Sobre Sergio Fleury 4727 Artigos
Proprietário e Editor do Jornal Debate