Uma chance para brilhar

OPORTUNIDADE — Além de treinar, jovens terão material, uniformes e acompanhamento pedagógico

Projeto social, apoiado por família de São Paulo, vai
oferecer a jovens de baixa renda treinamento de muay thai

Ademir Garcia e o neto Pedro

Diego Singolani
Da Reportagem Local

A parceria entre uma empresa com sede em São Paulo e uma academia de artes marciais de Santa Cruz do Rio Pardo vai beneficiar crianças e jovens de baixa renda do município. Através de um projeto social, eles irão receber treinamento, uniformes, equipamentos e até acompanhamento pedagógico. O objetivo é afasta-los das ruas e também descobrir futuros talentos dos ringues. A iniciativa era um sonho antigo de Marcelo Furtado, responsável pela academia “Chute Boxe” e pela ONG “Acogelc”. Em maio deste ano, uma empresária de São Paulo conheceu seu trabalho por meio de uma reportagem do DEBATE e decidiu abraçar a causa.
Os caminhos de Marcelo Furtado e da empresária Kelly Garcia dos Santos começaram a se cruzar no dia da inauguração da filial da empresa “Global Corretora de Seguros” em Santa Cruz do Rio Pardo. “Nós vimos a reportagem do DEBATE sobre o projeto da Chute Boxe e sobre o atleta ‘Buchecha’. Ficamos encantados. Foi um sinal muito forte”, disse Kelly. A “Global” atua na capital paulista há 20. A empresa foi fundada pelo pai de Kelly, Ademir Garcia, e tem um forte histórico de apoio a diferentes modalidades esportivas, do kart ao futebol, passando até pelo hipismo. “Para o meu pai, isso é um projeto de vida. Apoiar essas crianças, onde quer que elas estejam, também é uma forma de retribuir pelas conquistas que nossa família alcançou. Hoje nós podemos e fazemos questão de ajudar”, afirmou Kelly. Depois de ler a matéria, Kelly mandou uma mensagem ao jornal pedindo o contato de Marcelo e a partir daí começaram as tratativas. Ela conta que a família ficou ainda mais entusiasmada quando conheceu o pessoalmente o trabalho. “Nós marcamos um dia para visitar a academia. Fomos muito bem recebidos. Também fomos na Acogelc. As crianças prepararam uma linda apresentação”, disse.
Além da filial da empresa, inaugurada em maio, a família de Kelly tem uma ligação de longa data com Santa Cruz do Rio Pardo. Eles possuem uma propriedade rural há 30 anos e costumam passar as férias no município. “Adoramos a cidade. Já brinquei muito no carnaval do Icaiçara Clube”, relembra.

FAMÍLIA — Empresa familiar patrocina o esporte

O sonho ganha forma

O projeto da Chute Box vai atender, de início, 15 crianças e jovens que moram na região do bairro da Estação e Vila Divineia. Entre eles, dois adolescentes que cumprem medidas socioeducativas. Eles irão treinar muay thai duas vezes por semana, recebendo material esportivo e uniformes. Além disso, terão o acompanhamento da psicopedagoga Noriko Izumi Kawabata uma vez por mês. “O foco é oferecer oportunidade para que eles enxerguem outros caminhos, ampliem seus horizontes e recebem uma orientação para a vida. Além disso, aqueles que tiverem predisposição para competir, receberão apoio direcionado”, explicou Marcelo Furtado.
O mestre revela que a ansiedade para o início dos treinamentos é enorme, principalmente das famílias dos participantes. “Eles me ligam todo dia para saber quando começa, se está tudo certo, se o filho realmente vai participar e agradecem muito. É algo que tem mexido muito com essas pessoas e com a gente também”, afirmou. Marcelo aguarda a chegada do material esportivo nos próximos dias para lançar, efetivamente, o projeto.
O lutador conta que ficou surpreso e emocionado com o contato da empresária Kelly Garcia, vislumbrando, finalmente, seu projeto ganhar vida. “A vontade sempre existiu. O que nunca tivemos foi respaldo em Santa Cruz”, disse Marcelo. “Sempre que há uma brecha, em tudo o que eu faço, eu tento colocar alguma iniciativa social. O que eu aprendi na minha trajetória, com meus mestres, é que temos que disseminar o que aprendemos. Existe muito potencial nessas crianças e jovens, o que faltava era a oportunidade”, afirmou.

  • Publicado na edição impressa de 14/07/2019
Sobre Sergio Fleury 4474 Artigos
Proprietário e Editor do Jornal Debate