Balé de Santa Cruz conquista, de novo, vaga para Portugal

NO TOPO — Balé volta a se destacar em festival internacional

Grupo venceu em festival internacional

Diego Singolani
Da Reportagem Local

O Balé Municipal de Santa Cruz do Rio Pardo foi um dos destaques do “27º Passo de Arte” na cidade de Indaiatuba, concurso internacional de dança realizado entre os dias 5 e 15 de julho. No domingo passado, 14, os bailarinos comandados pelo coreógrafo Robson Willian conquistaram o primeiro lugar na categoria “Danças Populares Juvenil”, com a coreografia “Parintins é vermelho, sou garantido” e também venceram na categoria avançado com “Carimbó, a joia do Pará”. O excelente desempenho também garantiu uma vaga para o “Festival de Porto”, em Portugal, no ano que vem. O balé de Santa Cruz do Rio Pardo já havia sido selecionado para participar do festival na Europa em 2019, mas a secretaria de Cultura se recusou a bancar as despesas.
O DEBATE revelou recentemente que os integrantes do balé tiveram que escolher entre viajar à Europa representando Santa Cruz ou garantir a reforma do barracão onde ensaiam, devido à suposta falta de recursos da secretaria de Cultura.
De acordo com alguns bailarinos, a frustração foi ainda maior pelo fato de a prefeitura ter orientado o grupo a não procurar outras formas de patrocínio, indicando que arcaria com todas as despesas. A vaga para participar do “Festival Internacional de Porto”, em Portugal, realizado em abril deste ano, foi conquistada pelo balé de Santa Cruz após a companhia se destacar no mesmo “Passo de Arte” de Indaiatuba, em 2018.
Diferentemente do ano passado, desta vez a prefeitura não divulgou em suas mídias sociais a conquista da vaga a Portugal pelo balé. Segundo informações apuradas pela reportagem, a secretaria de Cultura já avisou aos bailarinos que, se depender dela, eles não irão viajar novamente.

  • Publicado na edição impressa de 21/07/2019
Sobre Sergio Fleury 4567 Artigos
Proprietário e Editor do Jornal Debate