Escola ‘Tomaz Ortega’ é vice-campeã estadual de futsal feminino

Meninas do Tomaz Ortega são as primeiras a chegar a uma final estadual

Equipe feminina perdeu para Guarulhos na final do
torneio, que aconteceu em Bauru no último dia 12

Treinador e algumas das jogadoras que conquistaram o vice-campeonato

André H. Fleury Moraes
Da Reportagem Local

A equipe feminina da escola estadual “Professor Tomaz Ortega Garcia”, de Santa Cruz do Rio Pardo, sagrou-se vice-campeã do Estado de São Paulo nos jogos escolares de futsal. A final foi no dia 12 em Bauru-SP.
As jogadoras concorreram na modalidade mirim e foram instruídas pelo treinador Wagner de Araújo Neto, que também é professor de educação física da escola.
A primeira fase do torneio envolveu partidas contra diretorias de ensino de outras cidades.
Vencedora do grupo, a equipe do Tomaz Ortega enfrentou a final contra a diretoria de Marília, através da qual foi classificada como representante da região de Marília para as fases finais estaduais.
As meninas venceram as equipes representantes de Araçatuba e São José do Rio Preto para, então, jogar a semifinal em Bauru. A equipe adversária era de Franca e foi vencida por 4 a 1. A partir de então, a Tomaz Ortega já estava na final do campeonato.
A partida foi contra um forte time de Guarulhos, que venceu a equipe santa-cruzense.
Para que a viagem fosse possível, a Tomaz Ortega contou com o apoio de pais, professores e da empresa Special Dog.

Preparo

O professor e treinador da equipe, Wagner Araújo Neto, diz que é um trabalho minucioso a escolha de jogadoras para integrar o time. Ele diz que faz pequenos treinamentos para, aos poucos, escolher as jogadoras.
Uma delas, aliás, já se destacou e foi contratada pelo Noroeste, de Bauru. É Nicole Emanueli e atua como goleira do time. “Nós sentimos que os resultados já começaram a sair”, disse Wagner, sobre o aparecimento de talentos na escola “Tomaz Ortega”.
A expectativa do treinador é participar do torneio pré-mirim, em que jogam atletas entre 11 e 12 anos, ainda neste ano. “Estamos apenas aguardando resposta da Diretoria de Ensino de Ourinhos”, afirmou.
Ao que tudo indica, as meninas do “Tomaz Ortega” foram as primeiras a chegar a uma final do estadual na história de Santa Cruz do Rio Pardo.

  • Publicado na edição impressa de 18/08/2019
Sobre Sergio Fleury 4589 Artigos
Proprietário e Editor do Jornal Debate