DICAS – Edição de 18 de outubro de 2020

ALGUÉM VIU?  A antiga comissão provisória do Podemos garante que torrou quase R$ 400 mil em propaganda por todos os cantos de Santa Cruz, veículos de comunicação, palestras e marketing. Só faltou combinar com a população, já que ninguém viu tamanha campanha partidária. Certamente nem o Ministério Público e a Justiça Eleitoral. Vem chumbo grosso por aí…

CIDADE Se o próximo prefeito for mudar o diretor de Trânsito de Santa Cruz, tomara que não tenha as mesmas ideias de Otacílio Parras. Senão, o currículo do diretor em 2021 terá necessariamente de conter mestrado em lombadas e PHD em tartarugas.

CIDADE 2  Aliás, será que alguém falou com o Corpo de Bombeiros, a Polícia Militar e o Samu antes de instalar as lombadas?

CIDADE 3  Só para não perder o costume, a Câmara de Santa Cruz aprovou na segunda-feira, 12, mais quatro pedidos de implantação de lombadas na cidade.

PIRAJU A Justiça Eleitoral de Piraju indeferiu a candidatura do prefeito José Maria Costa (DEM), seguindo a opinião do Ministério Público daquela comarca. O prefeito, conforme antecipado em fevereiro pelo jornal, tem condenação por abuso de poder econômico.

PIRAJU 2 Aliás, em fevereiro, quando o DEBATE noticiou a condenação e a consequente inegebilidade do prefeito, o assessor de Zé Maria foi à rádio Paranapanema — do grupo Difusora — para criticar o jornal. Odelair Ferdin, proprietário da rádio, disse que o jornal publica “oito notícias duvidosas e duas falsas a cada dez matérias”. Agora que o fato se mostrou verdadeiro, a rádio não deu um pio.

AVOA  A Justiça de Ourinhos rejeitou embargos de declaração de Luciano e Luiz Carlos Lúcio de Carvalho. Donos da empresa de ônibus “Avoa”, eles foram condenados em primeiro grau por crime contra a Lei de Licitações.

TURMA  Réu na ação civil que contesta os contratos da administração com a rádio Difusora, o prefeito Otacílio Parras (PSB) arrolou como testemunhas, entre outros, o ex-secretário de Comunicação Renan Alves, o atual ocupante da pasta, Cláudio Antoniolli, e a procuradora Luciana Junqueira.

TURMA 2  Em manifestação protocolada há alguns meses no processo, a promotora Paula Bond Peixoto não descarta a hipótese de que os pareceres da procuradora foram “dolosos” no sentido de permitir a publicidade ilegal.

CASO FEITOSA  O vereador Luciano Severo (Republicanos) apresentou pedido de informações ao prefeito sobre a situação da administração após o “furacão” provocado por Sueli Feitosa, acusada de desviar milhões dos cofres municipais. Já o presidente Paulo Pinhata (PTB) pediu informações ao Ministério Público sobre o processo contra a ex-tesoureira.

AGENOR  A Justiça não consegue encontrar Cláudio Gimenez.

 

A extinção definitiva da história?
O vereador Joel de Araújo (Republicanos) apresentou projeto para mudar uma lei que determinou a manutenção de pelo menos parte do paralelepípedo no entorno da praça Antônio Aloe. Ele diz que a prefeitura fez uma obra estranha, pavimentando apenas um lado da rua. Os vereadores, entretanto, decidiram adiar o projeto para melhores estudos. Otacílio, por sua vez, já adiantou: é contra o projeto.