Antiella Carrijo Ramos

Como sobreviveremos?

Coluna de Antiella Carrijo Ramos

Como sobreviveremos?

Publicado em: 14 de outubro de 2023 às 18:10

Ele sempre me contou histórias daquele litoral. Contava sobre uma viagem, cheia de aventuras, que fez antes de me conhecer. Não é para menos, percorrer a Rio-Santos, de ponta a ponta, é mesmo uma história para se orgulhar. Suas memórias de infância, das viagens que fez com a família, produziram afetos que transformaram a Praia das Toninhas num cenário importante da vida dele. Foi ele quem me levou lá pela primeira vez. Em setembro de 2002, o tempo nublado não nos intimidou e foi num mergulho, cheio de agradecimento, que me banhei pela primeira vez naquelas águas. O mar com trechos tranquilos, ondas na medida certa e uma longa faixa de areia. Que saudade daquele dia, em que a nossa coragem para enfrentar o mau tempo, foi recompensada com o sol ameno da primavera. Ir a praia é nosso passeio favorito e Ubatuba sempre é um cenário para nossas viagens. Desta última vez, nos deparamos com um mar mais agitado, maré alta, na maior parte do dia, e muitas sinalizações de perigo. A faixa de areia bem mais estreita do que o costume e ondas que não estavam para brincadeira. O clima também não era o característico para época do ano, o calor escaldante denunciava um verão bem fora de época.

Com uma simples observação da natureza já é possível perceber a mudança climática e embora o clima tenha apresentado muitas mudanças ao longa da história, o aumento do efeito estufa, em decorrência do aumento da emissão de gases, tem gerado o super aquecimento da Terra. No entanto, as mudanças climáticas que o planeta viveu no passado, decorreram de fenômenos naturais, já a atual mudança do clima tem a sua origem nas atividades humanas, principalmente, naquelas decorrentes do processo de industrialização, vivenciadas nos últimos 50 anos. A principal evidência dessa mudança atual do clima é o aquecimento global, que foi detectado no aumento da temperatura do ar e dos oceanos, no derretimento generalizado da neve e do gelo e na elevação do nível do mar, não podendo mais ser negada ou ignorada.

Se a mudança do clima e o aumento do nível dos oceanos já podem ser observados a olho nu, numa simples viagem de férias ao litoral, significa que, infelizmente, já chegamos num ponto que não há mais possibilidades para a reversão dessa situação e a humanidade precisará se adaptar e enfrentar as tragédias que virão.


Antiella Carrijo Ramos

Antiella Carrijo Ramos

Antiella Carrijo Ramos é psicóloga e trabalhadora da Assistência Social em Santa Cruz do Rio Pardo


SANTA CRUZ DO RIO PARDO

Previsão do tempo para: Segunda

Céu limpo
28ºC máx
13ºC min

Durante todo o dia Céu limpo

COMPRA

R$ 5,57

VENDA

R$ 5,57

MÁXIMO

R$ 5,61

MÍNIMO

R$ 5,54

COMPRA

R$ 5,43

VENDA

R$ 5,76

MÁXIMO

R$ 5,63

MÍNIMO

R$ 5,57

COMPRA

R$ 6,06

VENDA

R$ 6,07

MÁXIMO

R$ 6,11

MÍNIMO

R$ 6,03
voltar ao topo

Voltar ao topo