ECONOMIA

Empréstimos suspeitos levam idosos a buscar o Procon de Santa Cruz

Quem relata os casos é o coordenador do setor no município Gagrione Fernando da Silva

Empréstimos suspeitos levam idosos a buscar o Procon de Santa Cruz

Publicado em: 20 de fevereiro de 2021 às 12:59
Atualizado em: 29 de março de 2021 às 09:23

Sérgio Fleury Moraes

Uma série de denúncias contra instituições bancárias está sendo apurada pelo Procon de Santa Cruz do Rio Pardo. De acordo com o novo coordenador do órgão, Gagrione Fernando da Silva, 30, nas últimas semanas foram vários casos de consumidores que não reconhecem empréstimos bancários depositados em suas contas.

Segundo Gagrione, as denúncias estão se proliferando pelos Procons de todo o Estado. “São bancos que fazem empréstimos e depositam o valor nas contas de aposentados e pensionistas, o chamado empréstimo consignado. Mas acontece que a pessoa garante que não solicitou e nem contratou, o que configura uma prática abusiva”, explicou o coordenador.

O problema, segundo ele, é que muitos acabam sendo enganados porque imaginam que o dinheiro é de algum benefício que estavam aguardando ou diferenças salariais. “Há um caso em que o consumidor estava esperando um benefício da Previdência e imaginou que o depósito em conta era ele. Assim, sacou parte do dinheiro e gastou, só percebendo o problema quando caiu a primeira parcela”, contou Gagrione.

Na maioria dos casos, quando há uma denúncia ao Procon, estes bancos aceitam anular o contrato com a devolução do dinheiro. Este procedimento ocorre imediatamente quando o banco recebe uma CIP (Carta de Informações Preliminares) do Procon, narrando a denúncia e alertando que o consumidor não requereu nenhum empréstimo.  “Geralmente eles alegam que não agiram de má-fé e o consumidor aceita o acordo”, disse.

O coordenador aconselha as famílias de aposentados e pensionistas a efetuar o bloqueio de empréstimos bancários no INSS. Segundo Gagrione, este procedimento é fácil e rápido, podendo ser feito pelo celular. “Com este bloqueio, nenhuma instituição consegue implantar um empréstimo. E se algum dia a pessoa quiser, de fato, contrair um empréstimo, basta realizar o desbloqueio no mesmo dispositivo”, explicou.

Gagrione Fernando da Silva assumiu o Procon em 19 de janeiro, depois de solicitar transferência do cargo de gerente do cemitério. “O prefeito Diego Singolani me convocou porque sou formado em Direito. Eu aceitei o desafio, mesmo sendo um trabalho mais duro, pois são muitas reclamações e as pessoas imaginam que tudo pode ser resolvido na hora”, explicou.

O Procon de Santa Cruz não possui fiscalização própria e recorre à regional de Bauru. “Isto é feito para evitar retaliações quando o fiscal é conhecido. No Estado, já aconteceram mortes”, disse. Nas últimas semanas, a pedido do Procon de Santa Cruz, fiscais de Bauru multaram um posto de combustível e um supermercado no município. 

PUBLICIDADE

SANTA CRUZ DO RIO PARDO

Previsão do tempo para: Quarta

Períodos nublados
28ºC máx
16ºC min

Durante todo o dia Céu limpo

COMPRA

R$ 5,68

VENDA

R$ 5,68

MÁXIMO

R$ 5,74

MÍNIMO

R$ 5,66

COMPRA

R$ 5,64

VENDA

R$ 5,99

MÁXIMO

R$ 5,88

MÍNIMO

R$ 5,81

COMPRA

R$ 6,80

VENDA

R$ 6,80

MÁXIMO

R$ 6,86

MÍNIMO

R$ 6,78

PUBLICIDADE

voltar ao topo

Voltar ao topo