SOCIEDADE

Requiescant in pace

Dr. João deixou uma lição importante: a estabilidade pode ser conquistada, mas também pode ser construída

Requiescant in pace

O advogado João Nantes

Publicado em: 15 de abril de 2022 às 01:29
Atualizado em: 16 de abril de 2022 às 02:45

Nos últimos anos, experimentamos o sabor amargo da morte em incontáveis ocasiões, seja devido à pandemia ou mesmo por causas naturais. Perdemos amigos, conhecidos, desconhecidos, e dificilmente escapamos de ver pessoas queridas chorando por alguém que se foi.

Mas uma categoria, em especial, sofreu perdas demais mesmo sem estar na chamada “linha de frente” formada pelos profissionais da área da saúde: a advocacia santa-cruzense, que chorou e ainda chora o falecimento de grandes profissionais e seres humanos, como eram Dra. Rosinha Raimundo, Dr. Marcelo Picinin, Dr. Carlos Henrique (Grilo), Dr. Rodrigo Quinalha, Dr. Célio Gimenez, entre outros.

E entre essas pessoas especiais certamente está o empresário e advogado Dr. João Nantes, que nos deixou no último domingo (10/04/2022), aos 70 anos de idade, abrindo novamente uma cicatriz que sequer havia começado a se fechar.

Dr. João Nantes, embora pertencesse a geração diferente da minha, sempre me passou a impressão de ter o coração muito mais jovem que a idade, talvez pela disposição e vontade de viver que sempre foram marca registrada de sua personalidade.

Não por acaso, desde jovem percebia sua presença em incontáveis eventos da cidade. Nasceu alguém? Lá estava ele, no batizado, cumprimentando os pais da criança; morreu alguém? Lá estava ele, prestando respeito e condolências aos familiares. E sua presença, obviamente, era sempre notada — ainda que discreta fosse.

Quem teve o privilégio de ser sócio e/ou frequentar o Icaiçara Clube (ICA) durante sua gestão como presidente certamente lhe deve muito de suas melhores e mais marcantes histórias de vida. Dizem que “quando vemos alguém fazendo algo e nos parece fácil, é porque essa pessoa faz aquilo muito bem”, e talvez por isso, sob sua batuta incansável, o clube parecia possuir uma autogestão destinada ao sucesso, com piscinas, quadras, boate e salão de festas sempre lotados. Graças a João, realmente frequentamos “o clube mais bonito do interior”.

Mas não só de ICA viveu João Nantes. Também foi ele responsável por uma série de outros eventos municipais e por alavancar a advocacia santa-cruzense a outro patamar, e olha que estou falando sob o ponto de vista de um homem de apenas 32 anos de idade (ou seja, com quase 40 anos a menos). Um exemplo de retidão e trabalho duro que permanecerá vivo não apenas nos filhos e netos que deixa, mas em todos os que nele de alguma forma se inspiraram ou que com ele aprenderam.

Não tive o privilégio de ser amigo íntimo do Dr. João, apenas o conhecia como figura pública e, posteriormente, como colega de profissão. Talvez seja nesse momento, aliás, que tenha conquistado definitivamente minha admiração, ao tratar-me absolutamente como igual mesmo estando cada um de um lado, defendendo interesses opostos, ele na posição de advogado com décadas de experiência e eu, à época, com 1 ou 2 anos de atividade jurídica. Quem faria isso?

Hoje em dia, uma das coisas mais repetidas por quem termina o curso de Direito é a intenção de conquistar a tão sonhada “estabilidade financeira”, o que leva o bacharel diretamente ao mundo dos concursos ao invés de pelear na advocacia (um mundo que pode realmente ser duro, injusto e sombrio, vale dizer). Nesse contexto, Dr. João também deixou uma lição importante no sentido de que a estabilidade pode ser conquistada, mas também pode ser construída.

O fato é que amamos nossa terra e amamos nossa gente. Santa Cruz do Rio Pardo tem ares diferentes e me arrisco a dizer que em nenhum outro lugar no mundo existe um vínculo tão grande entre cidade e cidadão como temos aqui. Falar que nasceu em qualquer outra cidade significa indicar o local de nascimento, porém dizer que é santa-cruzense traz consigo a força de toda a nossa gente.

Esse orgulho foi forjado por pessoas de coragem, homens e mulheres que mantiveram viva a chama de nossa cidade para fazê-la brilhar sempre mais resplandecente, sem tremular. Homens como Dr. João Nantes, que agora descansa em paz e assiste, lá de cima, o futuro do seu legado.

PUBLICIDADE

SANTA CRUZ DO RIO PARDO

Previsão do tempo para: Quinta

Períodos nublados
25ºC máx
11ºC min

Durante todo o dia Céu limpo

COMPRA

R$ 5,25

VENDA

R$ 5,25

MÁXIMO

R$ 5,26

MÍNIMO

R$ 5,25

COMPRA

R$ 5,09

VENDA

R$ 5,41

MÁXIMO

R$ 5,25

MÍNIMO

R$ 5,25

COMPRA

R$ 5,50

VENDA

R$ 5,50

MÁXIMO

R$ 5,51

MÍNIMO

R$ 5,50

PUBLICIDADE

voltar ao topo

Voltar ao topo