ECONOMIA

Mesmo na pandemia, governo vive ‘boom’ na arrecadação

Maior parte da receita vem do ICMS; superávit soma R$ 15 mi

Mesmo na pandemia, governo vive ‘boom’ na arrecadação

Vista do município de Santa Cruz do Rio Pardo

Publicado em: 10 de julho de 2021 às 01:15
Atualizado em: 10 de julho de 2021 às 01:15

André Fleury Moraes

Assim como aconteceu no ano passado, o governo de Santa Cruz do Rio Pardo é um dos únicos na região a manter um superávit orçamentário mesmo em meio à pandemia.

Faça login em sua conta:
Continue lendo com acesso ilimitado. Confira nossos planos:
DIGITAL DIÁRIO

Disponível para: qualquer região

Plano
Mensal

R$ 10,00

Plano
Anual

R$ 100,00

– Acesso ilimitado a todo o conteúdo do site
– Reportagens especiais que saem aos finais de semana
– Acesso às edições semanais em formato digital
– Acesso ao Clube de Vantagens do assinante

DIGITAL DIÁRIO + IMPRESSO SEMANAL

Disponível para: outras regiões

Plano
Mensal

R$ 22,00

Plano
Anual

R$ 240,00

– Jornal entregue em seu endereço
– Reportagens especiais com o sabor do papel
– Acesso ilimitado a todo o conteúdo do site
– Acesso às edições semanais em formato digital
– Acesso ao Clube de Vantagens do assinante

DIGITAL DIÁRIO + IMPRESSO SEMANAL (REGIONAL)

Disponível para: Santa Cruz do Rio Pardo, Ourinhos, Ipaussu, Chavantes, Canitar, Piraju, Bernardino de Campos, São Pedro do Turvo e Espírito Santo do Turvo

Plano
Mensal

R$ 12,00

Plano
Anual

R$ 120,00

– Jornal entregue em seu endereço
– Reportagens especiais com o sabor do papel
– Acesso ilimitado a todo o conteúdo do site
– Acesso às edições semanais em formato digital
– Acesso ao Clube de Vantagens do assinante

PUBLICIDADE

SANTA CRUZ DO RIO PARDO

Previsão do tempo para: Terça

Períodos nublados com chuva fraca
28ºC máx
17ºC min

Durante todo o dia Céu encoberto

COMPRA

R$ 5,61

VENDA

R$ 5,61

MÁXIMO

R$ 5,61

MÍNIMO

R$ 5,61

COMPRA

R$ 5,59

VENDA

R$ 5,92

MÁXIMO

R$ 5,76

MÍNIMO

R$ 5,76

COMPRA

R$ 6,33

VENDA

R$ 6,33

MÁXIMO

R$ 6,33

MÍNIMO

R$ 6,32

PUBLICIDADE

voltar ao topo

Voltar ao topo