CULTURA

Sodrélia guarda imagem de santa ‘milagrosa’

Imagem de Nossa Senhora foi trazido por um mineiro no século XIX e, segundo a tradição, operou milagre com uma criança

Sodrélia guarda imagem de santa ‘milagrosa’

A antiga capela de "Nossa Senhora do Rafaelzinho", que ainda existe no bairro rural da Água da Figueira, em Sodrélia

Publicado em: 10 de novembro de 2023 às 03:01
Atualizado em: 10 de novembro de 2023 às 03:14

Sérgio Fleury Moraes

 

Uma pequena imagem de Nossa Senhora Aparecida, que chegou à região de Sodrélia no final do século XIX, quando o distrito ainda nem existia, carrega a tradição de ter realizado um grande milagre. Não há uma data precisa do suposto milagre, que foi citado em um trabalho sociológico publicado no final dos anos 1960 pelo professor e doutor Teófilo de Queiróz, catedrático da USP que morreu em 2007. Teófilo teria ouvido a narrativa das próprias pessoas envolvidas.

O fato também foi acompanhado pelo frei João Basílio, que costumava contar a história, inclusive, em missas. Ele só não relatou o “milagre” numa carta que enviou em 1982 ao então bispo de Botucatu, dom Vicente Zione, narrando as características da imagem santa. Depois, o frade dominicano explicou que omitiu o fato para que a imagem com mais de 180 anos não fosse reivindicada por alguém.

Na carta, João Basílio — que morreu em 2018 em Goiânia — diz que o bispo deveria encaminhar estudos para confrontar a imagem com a existente na cidade de Aparecida, já que poderiam fazer parte do mesmo lote de cópias.

Aliás, a “santinha” foi trazida a Santa Cruz pelo mineiro Rafael Silvério de Andrade, bisavô do frei João Basílio. Antes do povoado de Sodrélia se desenvolver a partir de 1908, com a chegada da ferrovia, um dos filhos do fazendeiro construiu uma capela no bairro Água da Figueira, onde a imagem foi colocada. A santa, então, ficou conhecida como “Nossa Senhora do Rafaelzinho”.

Em 1930, José Rafael Basílio, neto do mineiro Rafael Silvério, doou o terreno para ser construída a Igreja de Nossa Senhora Aparecida.

 

A igreja de Sodrélia recebeu a imagem da capela nos anos 1930

 

Hoje, a imagem negra de Nossa Senhora está no altar da Igreja e é muito venerada pelos mais antigos, muitos dos quais conhecem o milagre da menina que ressuscitou. Não há relatos de quando o fato aconteceu, mas possivelmente foi na década de 1930, quando a imagem da “santinha” ainda se encontrava na antiga capela na Água da Figueira.

A história é sobre a morte da menina Zoraide, filha única de um viúvo, que morreu aos 12 anos, provocando uma imensa tristeza em Sodrélia. Quando o corpo da jovem estava sendo velado, uma moradora do distrito resolveu implorar à Nossa Senhora que não permitisse tamanha tragédia. Era Minervina Cândida de Lima, que chegou a ser  advertida para não ir contra “uma determinação” de Deus. “Se for pecado, ela não me atenderá”, disse a mulher.

 

No altar da igreja, a imagem de Nossa Senhora do século XIX; abaixo, a praça da igreja que leva o nome de José Rafael Basílio, doador do terreno

 

Na pequena capela, após pedir a Nossa Senhora no altar onde estava a imagem, Minervina diz que as flores de papel começaram a exalar um forte perfume. Seria um sinal de que o pedido estaria prestes a ser atendido.

A mulher correu de volta ao distrito e encontrou uma multidão em frente à casa da jovem Zoraide. Todos choravam, mas desta vez de alegria. A menina havia se levantado e estava viva.

O milagre foi contado de geração em geração. Na década de 1970 ou 1980, o frei João Basílio se surpreendeu quando, ao contar a história durante uma missa em Santa Cruz do Rio Pardo, viu uma mulher se levantar. “A Zoraide sou eu”, disse a mulher, emocionada.

 

Frei João Basílio, parente dos pioneiros, acompanhou o milagre

 

O agricultor Tarcísio Belei também sentiu a mesma emoção quando, numa reunião da comunidade de Sodrélia, narrou o milagre que acontecera décadas atrás. “Uma mulher se levantou e, emocionada, disse que a menina que renasceu era a sua sogra”, contou Tarcísio ao jornal numa entrevista em 2014.

 

Leia mais:

Aposentada viveu época áurea de Sodrélia

SANTA CRUZ DO RIO PARDO

Previsão do tempo para: Segunda

Céu limpo
28ºC máx
13ºC min

Durante todo o dia Céu limpo

COMPRA

R$ 5,57

VENDA

R$ 5,57

MÁXIMO

R$ 5,61

MÍNIMO

R$ 5,54

COMPRA

R$ 5,43

VENDA

R$ 5,76

MÁXIMO

R$ 5,63

MÍNIMO

R$ 5,57

COMPRA

R$ 6,06

VENDA

R$ 6,07

MÁXIMO

R$ 6,11

MÍNIMO

R$ 6,03
voltar ao topo

Voltar ao topo