REGIONAL

Presidente da Ummes vai a Brasília e alerta Ourinhos sobre perda de repasse

Audiência na Justiça de Ourinhos vai acontecer no dia 26 e Lucas Pocay insiste em retirar a gestão do Samu Regional da Ummes

Presidente da Ummes vai a Brasília e alerta Ourinhos sobre perda de repasse

Sergio Guidio, presidente da Ummes, busca opções para o impasse

Publicado em: 28 de outubro de 2023 às 17:03

O presidente da Ummes – União dos Municípios da Média Sorocabana – e prefeito de Ipaussu, Sérgio Guidio, esteve em Brasília na semana passada, para discutir com o Ministério da Saúde o impasse com Ourinhos, que anunciou o rompimento do rateio regional do Samu. A decisão do prefeito Lucas Pocay (PSD) revoltou os prefeitos da região que integram a Ummes, mas, segundo o Ministério da Saúde, o maior prejudicado com a medida será Ourinhos.

Sérgio Guidio gravou um vídeo em frente ao prédio do Ministério da Saúde. Segundo ele, em uma reunião com técnicos do órgão em Brasília, foi explicado que todo município tem o direito de fazer a gestão individual do Samu – e não na forma de um consórcio, como é a Ummes. Entretanto, neste caso, o município perde o repasse financeiro federal.

“O Ministério da Saúde alertou que só custeia o Samu de forma regionalizada, para atender todas as cidades da região”, disse Guidio. O sistema do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência é interligado com todos os municípios.

O presidente da Ummes disse que o consórcio deverá reunir os prefeitos nos próximos dias para discutir a saída de Ourinhos. O prefeito Lucas Pocay já notificou a Ummes sobre a rescisão unilateral do rateio, através de um ofício do secretário de Saúde de Ourinhos, Donay Neto.

Lucas Pocay tentou confiscar todas as instalações do Samu Regional, administrado pela Ummes, no final do mês passado. Secretários, servidores e integrantes de uma empresa de saúde contratada às pressas por quase R$ 6 milhões tentaram invadir o prédio do Samu, com apoio da Guarda Municipal fortemente armada. Sergio Guidio resistiu no interior do prédio, mas no início da noite entregou o Samu e registrou queixa na Polícia Civil.

 

Ao deixar o rateio do Samu, Lucas Pocay vai arcar com os custos

 

Três dias depois, a Justiça de Ourinhos determinou a devolução do Samu Regional à Ummes. A juíza Alessandra Mendes Spalding considerou que a “tomada” das instalações do Samu foi “unilateral e apressada”, sem tempo hábil até para contratação de funcionários, o que poderia colapsar todo o sistema e prejudicar as cidades da região.

Ao conceder a tutela antecipada para a Ummes retomar a gestão do serviço, a juíza marcou uma audiência de tentativa de conciliação para quinta-feira, 26. O prefeito Lucas Pocay já anunciou que, na audiência, vai expor o plano de transição para que Ourinhos assuma definitivamente o Samu.

A Ummes, por sua vez, deve transferir o Samu Regional – a unidade que recebe e distribui os serviços de emergência – para Santa Cruz do Rio Pardo. Ourinhos, neste caso, pretende se vincular ao Samu da região de Assis.

PUBLICIDADE

SANTA CRUZ DO RIO PARDO

Previsão do tempo para: Terça

Períodos nublados
30ºC máx
17ºC min

Durante todo o dia Céu limpo

COMPRA

R$ 5,39

VENDA

R$ 5,39

MÁXIMO

R$ 5,39

MÍNIMO

R$ 5,39

COMPRA

R$ 5,26

VENDA

R$ 5,58

MÁXIMO

R$ 5,42

MÍNIMO

R$ 5,42

COMPRA

R$ 5,80

VENDA

R$ 5,85

MÁXIMO

R$ 5,83

MÍNIMO

R$ 5,79

PUBLICIDADE

voltar ao topo

Voltar ao topo